JOE KUBERT, O HOMEM DA GUERRA!

07.05.2017

>> Caso estivesse vivo, o grande desenhista Joe Kubert teria completado 90 anos em setembro do ano passado. E se Jack Kirby foi o maior criador de histórias fantásticas e sci-fi da Marvel, Kubert foi seu equivalente na DC em se tratando de aventuras pé no chão, protagonizadas por homens e mulheres de carne e osso, mas com a mesma coragem dos super-seres cósmicos da Casa das Ideias.

 

Criador de celebres e díspares personagens como Gavião Negro, Príncipe Viking e Tor, ele se tornou mais famoso pelas histórias ambientadas nas duas grandes Guerras Mundias, principalmente as vividas pelo militar "casca grossa" Sgt. Rock e sua Companhia Moleza, assim como o Ás Inimigo, o mais letal piloto de combate aéreo alemão - Hans von Hammer, apelidado por seus inimigos como Barão Vermelho, ambos co-criados com o roteirista Robert Kanigher. 

Várias dessas histórias tem sido resgatadas em uma série de publicações chamadas Showcase Presents, em volumes de 500 páginas cada, pela DC. São edições de baixo custo, em papel similar ao jornal e totalmente P&B; Oque no caso das histórias de Guerra é perfeito, por ressaltarem ainda mais a beleza e fluidez do traço de Kubert, em cenas de batalhas terrestres e aéreas ilustradas com muito vigor e dramaticidade.

 

Meu novo projeto propõe a criação de uma antologia reunindo vários desses títulos, algo inédito no Brasil! E é claro que Kubert não desenhou todas as histórias de todos os títulos, mas sua contribuição foi invejável e quando assumiu o cargo de Editor Chefe, trouxe pra si a responsabilidade de conceber centenas de capas, dando assim uma identidade única para o gênero dentro da editora.

A Coleção Relatos de Guerra teria o padrão dos "Texones", os almanaques gigantes do Tex, publicados pela Mythos. E através de suas páginas testemunharíamos uma verdadeira parada militar de bravos combatentes; os já citados Sgt. Rock e Ás Inimigo, assim como o enfaixado Soldado Desconhecido, a equipe do Tanque Mal Assombrado pelo fantasma de um General Confederado da Guerra Civil, o cabo Afro-Americano Ulysses Hazard conhecido pelo code name Gravedigger, a equipe Os Perdedores, (criados por Kirby) e também diversos contos terror publicados na revista Weird War Tales ou Terror em Combate como foi batizada pela EBAL. Que inclusive publicou grande parte desse material, em seus anos áureos.

Acredito que a Mythos Editora seria uma escolha acertada para essa publicação, pois ela tem o perfil de colecionadores que se interessariam muito pelo material, já que as histórias de guerra durante muito tempo se equivaleram ao western em preferência e quem sabe com isso testemunharíamos também, um grande alistamento de novos leitores.

Quanto a criação do logotipo para essa coleção, a escolha de um capacete de soldado como ícone é mais do que obrigatória, dada sua associação imediata com o gênero. E o mesmo posso dizer em defesa das letras estilo normógrafo, utilizadas para identificar caixas e pacotes militares.

 

Por último o mais importante é ressaltar que as maiores contribuições de Joe Kubert em sua "brava luta" pelo o reconhecimento da Nona Arte como uma importante forma de expressão cultural, foram seus filhos, Andy e Adam Kubert (ambos exímios desenhistas) e a Joe Kubert School, que desde 1976 vem formando dezenas de novos profissionais para o disputado mercado de comics.

 

E na estante virtual da Batdeira, as cinco primeiras edições perfiladas, que poderiam abrir caminho para outras, com um resultado comercial favorável...

ADENDO: Normógrafo é um instrumento auxiliar para desenho de caracteres. Trata-se de uma régua vazada onde, os espaços correspondentes as letras e números são preenchidos em qualquer superfície rígida. Outro recurso usado para escalas maiores é uma série de placas maleáveis com sulcos no formato dos caracteres;

 

ADENDO II: Esse formato de publicação não seria totalmente inédito para Mythos, pois numa época pré-Panini, vários Essentials - a versão Marvel dos Showcases - foram editados por ela com relativo retorno.

 

(Fonte: comicvine.com)

 

>>Todos os personagens, logotipos e elementos são marcas registradas e seus direitos pertencem as suas respectivas empresas e criadores. Todos os direitos reservados. Este site não é autorizado pelos mesmos. Este é um site de fã dedicado a alegria de colecionar os personagens citados e nenhuma infração de direito autoral é intencional. >> All characters and all things related to characters, logotypes and elements are trademarks of and © belong to their respective companies and creators. All rights reserved. This site is not authorized by any companie or creator. This is a fan site dedicated to joy of collecting no copyright infringement is intended.

Please reload

A BATDEIRA NÃO PRODUZ, RÉPLICAS, CÓPIAS ARTESANAIS, FAC-SÍMILES

NEM QUALQUER OUTRO IMPRESSO SEM  AUTORIZAÇÃO DOS DEVIDOS PROPRIETÁRIOS.

NEM FAZ COMÉRCIO COM OS MESMOS EM SITES DE LEILÃO.

 >>Todos os personagens, logotipos e elementos são marcas registradas e seus direitos pertencem as suas respectivas empresas e criadores. Todos os direitos reservados. Este site não é autorizado pelos mesmos. Este é um site de fã dedicado a alegria de colecionar os personagens citados e nenhuma infração de direito autoral é intencional. >> All characters and all things related to characters, logotypes and elements are trademarks of and © belong to their respective companies and creators. All rights reserved. This site is not authorized by any companie or creator. This is a fan site dedicated to joy of collecting no copyright infringement is intended.

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now